31 de agosto de 2009

Taça de Portugal 1ª Eliminatória
Montalegre,0 - 2 Fornos de Algodres


CDC DE MONTALEGRE DESILUDE E É ELIMINADO

O Montalegre está já de fora da Taça de Portugal depois de ser derrotado contra uma equipa mais experiente. Os barrosões tem muito trabalho pela frente. A agravar as coisas está o número de lesionados que é já de seis depois da lesão de Nogueira. Vida difícil para a turma barrosã que começa o campeonato no primeiro Domingo de Setembro.

O Montalegre deu boa conta de si durante a primeira parte onde equilibrou bem a jogatana. Até foram os barrosões a assumir as despesas do jogo durante os primeiros dez minutos mas sem criar ocasiões de golo. A partir do quarto de hora o Fornos equilibra e até se mostra atrevido no ataque. Depois de cruzamento de Luizinho Nené quase finaliza com êxito – o remate acaba por sair por cima da baliza de Diogo. O Montalegre responde numa jogada rápida mas Jardel cruza mal ; as coisas continuavam a correr mal também de bola parada pois ninguém corresponde ao livre indirecto bem apontado por Ptt. Carlitos foi o mais inconformado dos barrosões e tenta a sua sorte com um remate fora da área que sai ao lado ao qual responde a equipa adversária também com um disparo que segura Diogo atentamente. Porém ,melhor oportunidade do Montalegre na primeira parte surgiu dos pés de Carlitos que assiste na perfeição Jardel que quase marca. Valeu Afees em cima da linha de golo… A segunda parte começou com o golo do Fornos de Algodres. Um golo incrível que surge depois de um canto a favor do Montalegre e os barrosões perdem a bola de forma infantil… Nené gela as bancadas numa tarde muito quente. O Montalegre tenta reagir e Carlitos marca mas o golo é invalidado por fora de jogo do ex-jogador do Chaves. O Fornos dez minutos depois faz o 0-2 e mata o jogo por Bruno Costa num lance muito rápido. Este tento decidiu a eliminatória. Carlitos continuava a remar quase só e obriga o guarda –redes Cobra a uma grande intervenção para canto. Já em tempo de compensação , Alexandre dispara forte para nova boa defesa de Cobra. Também os forasteiros puderam fechar o marcador com terceiro golo mas a bola sai ao lado da baliza. Vitória justa do Fornos de Algodres . O Montalegre não fez uma exibição positiva. Tem que melhorar em todos os aspectos. A onda de lesões(6) que atinge a equipa também condiciona a turma barrosã. Neste jogo lesionou-se Ricardo Nogueira que seria substituído no inicio do segundo tempo por Bruno Santos. Suspeita-se de uma contractura… O técnico do Montalegre Zé Manuel considerou a vitoria do Fornos de Algodres “justa”. Nando Pompeu treinador do F. de Algodres diz que a sua equipa foi “personalizada e controlou o jogo especialmente na segunda parte”.

Ficha técnica:

Estádio Dr.Diogo Vaz Pereira
Arbitro: Fernando Lopes
Auxiliares: Rui Dias e Carlos Carneiro

Montalegre: Diogo, Freitas, Leonel Costa, Vasques( João Pedro 45m), Leonel Fernandes, Alexandre, Rondinele, Ricardo Nogueira(Bruno Santos 55m), Jardel(Bruno Madeira 45m), Ptt, Carlitos.
Treinador: José Manuel Viage

Fornos de Algodres: Cobra, Alex, Sérgio, Afees, Valério(Fábio Nascimento 90m), Elias, Lote(Antero 77m), Bruno Costa, Pedrós, Luizinho, Nené( Bruno Filipe 66m)
Treinador: Nando Pompeu

Marcadores:Nené (47m), e Bruno Costa (57m)
Disciplina: Vasques(13m), Luizinho(28m), Carlitos (62m), Leonel Fernandes (71m), Antero (88m)

Nuno Carvalho (Texto)

1 comentários:

JORGE disse...

Bom dia. Como bom transmontano que sou, e, atento ao fenómeno desportivo, em particular o MONTALEGRE, gostava de saber qual foi o sector que claudicou para que acontecesse este descalabro. Li atentamente os comentários ao jogo na net e chego á conclusão que temos metade da equipa lesionada. Pergunto: Como vão ser substituidos ???? Juniores ?? Novas Contratações ??
Gostava de saber qual a solução que vão encontrar.

2 de setembro de 2009 às 15:39